Menu Fechar
  • Cuidados de Saúde Primários: Reforço do investimento nos Cuidados de Saúde Primários de € 90 000 000, com destaque para a melhoria do acesso através da atribuição de uma equipa de saúde familiar a todos os utentes, mas também prosseguindo na internalização de respostas em meios complementares de diagnóstico e terapêutica. Investindo ainda na qualidade das instalações e equipamentos para diversificação da carteira de serviços disponibilizados, aumentando a resolutividade dos cuidados de saúde e robustecendo as respostas em cuidados de saúde de proximidade.
  • Cuidados Continuados Integrados: Reforço do investimento na Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados e na Rede Nacional de Cuidados Paliativos em € 27 725 000,00, com vista ao alargamento do número de unidades ou lugares/camas, nas áreas geográficas mais deficitárias e alargamento de respostas na comunidade nas áreas da saúde mental.
  • Saúde Mental: Prosseguir na implementação do Plano Nacional de Saúde Mental, afetando um investimento de € 19 000 000, com vista à criação de equipas comunitárias de saúde mental para a pessoa adulta e criança e adolescência em todas as regiões do país, bem como desenvolvimento de programas de prevenção e tratamento da ansiedade e depressão, robustecendo, assim, as respostas de saúde mental em proximidade. Por outro lado, instalar-se-ão respostas de internamento de psiquiatria e saúde mental em hospitais de agudos que ainda não disponham dessa valência e criar-se-ão respostas residenciais para pessoas com perturbações mentais crónicas residentes nos hospitais psiquiátricos.
  • Profissionais de Saúde: Valorizar os profissionais através da contratação de 4200 novos trabalhadores e atribuir um subsídio pelo risco acrescido no exercício de funções aos profissionais de saúde que pratiquem atos diretamente e maioritariamente relacionados com pessoas suspeitas ou doentes infetados com a doença COVID-19. Reforço da capacidade operacional do INEM através da contração de 261 novos profissionais.
  • Investimento: Dar continuidade ao plano de investimentos na melhoria do SNS e na construção de novos hospitais, com destaque para o Novo Hospital Central do Alentejo e Hospital de Proximidade do Seixal, ascendendo a um valor de € 31 374 836,44, bem como investindo na remodelação e apetrechamento de edifícios dos Cuidados de Saúde Primários.